✦ Mundo
Tendência

OMS pede que Europa volte a adotar restrições contra Covid-19

Michael Ryan disse que continente tem apresentado "transmissão intensa" do vírus

  Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (12), o diretor de emergências da Organização Mundial da Saúde (OMS), Michael Ryan, classificou como “intensa” a transmissão do coronavírus na Europa. Em sua avaliação, dificilmente os países não terão de voltar atrás nas medidas de flexibilização.

– Na Europa, agora temos uma transmissão intensa. Quanto mais intensas as interações sociais e quanto mais ocorrerem em lugares não ventilados, sem uso de máscaras, maior será o risco, principalmente nos países de baixa cobertura vacinal – declarou Ryan.

Na última semana, o continente relatou dois milhões de novas infecções, além de 27 mil óbitos pela doença. O número de mortes corresponde a mais da metade de todos os falecimentos ocorridos no mundo no mesmo período.

Tedros Adhanom, diretor-geral da entidade, afirmou que a doença tem se espalhado sobretudo em áreas da Europa Oriental, onde há menor cobertura vacinal. Mas há crescimento também nos países da parte ocidental, com maior índice de vacinação.

– As vacinas não substituem a necessidade de outras precauções. Não são vacinas ou…, são vacinas e... Nenhum país pode simplesmente vacinar para sair da pandemia. Com a combinação certa de medidas, é possível que os países encontrem o equilíbrio entre manter a transmissão baixa e suas sociedades e economias abertas – reforçou.

Participe do nosso GrupoEntre no grupo do CIDADE NEWS OFICIAL no WhatsApp e receba notícias em tempo real GRUPO 1 | GRUPO 2

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Com muito ❤ por go7.site