✦ Brasil
Tendência

Preso por corrupção na Lava Jato pode ter sido decisivo para indicação da nova presidente da Petrobras

De acordo com Barusco, Vaccari participou pessoalmente das negociações para a cobrança de suborno de estaleiros contratados pela empresa.

  A nomeação de Magda Chambriard, uma petista de longa data, para a presidência da Petrobras foi endossada por João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT, que é respeitado e confiado por Lula e continua influente no atual governo, segundo informações do site O Antagonista.

Vale lembrar que Vaccari Neto, sempre foi favorecido por seus colegas. Ele tinha um cargo garantido em Itaipu por Dilma Rousseff enquanto estava sob investigação e conseguiu outro na CUT-PR após ser libertado da prisão. Atualmente, ele atua nos bastidores da campanha de Lula, juntamente com o ‘estrategista’ José Dirceu, condenado no escândalo do Mensalão até pelo STJ.

Com Lula no poder, Vaccari e Dirceu retornaram, conforme previsto. Vaccari foi identificado por Pedro Barusco, ex-gerente da Petrobras, como o principal operador do PT no esquema do Petrolão, sendo apelidado por ele de ‘Mochila’, o que levou a ser identificado como ‘Moch’ nas planilhas de distribuição de propina. De acordo com Barusco, Vaccari participou pessoalmente das negociações para a cobrança de suborno de estaleiros contratados pela empresa.

Curiosamente, o governo Lula, além de monitorar a Petrobras para controlar o preço dos combustíveis e evitar artificialmente o aumento da inflação, vem tentando garantir o retorno da cota de plataformas e navios construídos no Brasil, apesar da incapacidade dos estaleiros nacionais de competir no mercado global.

Os sinais enviados com a nomeação de Magda vão muito além da intenção de construir gasodutos sonhados pelo Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, ou a fábrica de fertilizantes da empresa falida de um amigo do Ministro da Casa Civil, Rui Costa – os inimigos de Jean Paul Prates no governo.

A conclusão da refinaria Abreu e Lima (Rnest), que consumiu 19 bilhões de dólares, já ficou com a velha Odebrecht e a Andrade Gutierrez, duas construtoras do Petrolão. A licitação para concluir o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), onde desapareceram 8 bilhões de dólares, foi aberta pela Petrobras no início deste mês. A Sete Brasil, criada para financiar estaleiros com conteúdo nacional, fez escorrer pelo ralo 25 bilhões de dólares nos governos anteriores do PT e a reprise promete.

Lula respeita e confia em Vaccari, condenado por arrecadação de propina em contratos de navios-sondas com a Petrobras, para novamente deixar o Brasil a ver navios.

Participe do nosso Grupo
Entre no grupo do CIDADE NEWS OFICIAL no WhatsApp e receba notícias em tempo real GRUPO 1 | GRUPO 2

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Feito com muito 💜 por go7.com.br